Mitos e Verdades sobre bichectomia

Oi Kenzetis, tudo bem com vocês?

O desejo de ter um rosto fino, diminuindo o tamanho das bochechas e melhorando o contorno facial, para não ficar com o aspecto de “rosto gordinho”, vem estimulando muitos pacientes a procurarem o procedimento de bichectomia, que nada mais é do que retirar a chamada Bola de Bichat, uma bolsa de gordura que fica acumulado na região entre a maçã do rosto e a mandíbula.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, esse tipo de procedimento cresceu 14,25% no país. De acordo com o cirurgião bucomaxilofacial Dr. Fábio Ricardo Loureiro Sato, a principal motivação para a sua realização é a questão estética, muito influenciada por pessoas famosas. “Entretanto, existem casos como o excesso de tecido por dentro da boca, que ocasionam trauma ao mastigar, ou mesmo o uso dessa gordura para outras finalidades como o de preenchimento tecidual que podem demandar esse tipo de cirurgia”, complementa.

Com a popularização do procedimento, muitas dúvidas surgem, e pensando nisso, o especialista decidiu trazer os principais mitos e verdades sobre a bichectomia.

  • A bichectomia é indicada para qualquer tipo de face e sempre causa um afinamento facial.

Mito. A cirurgia é indicada para faces onde exista esse acúmulo de gordura facial. Entretanto, é importante que se faça um diagnóstico correto, pois algumas alterações podem ser facilmente confundidas com as bochechas gordinhas e a cirurgia não será eficiente para afinar o rosto

  • O resultado da cirurgia é definitivo.

Verdade. Por remover o tecido adiposo, a ideia é que o resultado da cirurgia seja permanente, sem necessidade de outros procedimentos complementares.

  • Ficam cicatrizes externas.

Mito. O procedimento é totalmente realizado por dentro da boca sem a necessidade de cortes externos.

  • A recuperação é rápida.

Verdade. Após a cirurgia os pacientes já conseguem voltar ao trabalho depois de aproximadamente 3 a 5 dias.

  • A bichectomia deixa o rosto mais jovem?

Verdade. O excesso de bochechas normalmente faz com que as pessoas tenham um aspecto mais envelhecido, e ao melhorar essa característica as pessoas ficam com um aspecto mais jovial.

  • Ao ficar mais velho o rosto vai ficar envelhecido?

Mito. Na cirurgia de bichectomia só é removido uma parte da bola de bichat, e a remoção desse tipo não vai ter nenhum impacto negativo no futuro em relação ao envelhecimento da face, pois a gordura do tecido subcutâneo que dá sustentação à pele é mantida.

  • A bichectomia é um procedimento simples e totalmente livre de riscos.

Mito. Apesar de ser um procedimento relativamente rápido (aproximadamente 45 minutos a 1 hora de cirurgia), se não realizado por um profissional capacitado, ela pode gerar graves problemas como hemorragias, infecção, lesão aos ductos da glândula salivar e ao nervo facial, que podem ocasionar uma paralisia facial.

  • É um procedimento realizado somente por mulheres.

Mito. A grande maioria dos pacientes são mulheres que desejam ter um rosto fino, entretanto muitos homens também buscam por esse tipo de cirurgia.

  • A bichectomia é um procedimento doloroso.

Mito. O procedimento é realizado sob anestesia local e sedação, sendo totalmente indolor durante e depois da cirurgia.

  • Remover as bolas de bichat podem remover as covinhas ou alterar a espessura da pele.

Mito. As covas permanecem após a bichectomia pois elas representam inserções musculares entre a pele e o osso, e não tem nada a ver com a gordura facial. E por ser removida de forma localizada, não há alteração em relação à espessura facial.

Apesar de ser um procedimento cirúrgico de pequeno porte e rápido, ele não é isento de complicações. Por isso, conforme ressalta o Dr. Fábio Sato, ele deve ser feito com especialistas e profissionais experientes para se conseguir os melhores resultados com segurança para os pacientes.

Sobre o Dr. Fábio Sato

Formado pela Odontologia na USP, é mestre e doutor em Cirurgia Bucomaxilofacial. Sua atuação é principalmente no tratamento da Disfunção Temporomandibular, Cirurgia Ortognática para Correção das Deformidades Dentofaciais, Procedimentos Cirúrgicos Estéticos da Face, além de outros procedimentos como Enxertos Ósseos, Implantes Dentários e demais relacionados à área.
Beijos Kenzetis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *